segunda-feira, julho 22, 2024

Paulo Gonzo, Virgul e Zé Amaro no São Paio da Torreira
Em setembro, a Praia da Torreira, no concelho da Murtosa, recebe uma verdadeira multidão, vinda de todo o país, para, em clima de festa, celebrar o santo menino, naquela que é, seguramente, uma das maiores romarias de Portugal.

Num programa que exalta a identidade marinhoa, nas tradicionais rusgas, corridas de chinchorros e bateiras à vela e na majestosa Regata de Barcos Moliceiros, os destaques da animação musical vão para Paulo Gonzo, um dos mais consagrados músicos nacionais (dia 7 de setembro); Virgul, que fez parte da formação dos míticos Da Weasel e que tem vindo a cimentar uma bem sucedida carreira a solo (dia 6 de setembro; o popular músico Zé Amaro, o “cowboy português” (dia 5 de setembro).

 
https://www.ovarnews.pt/paulo-gonzo-virgul-e-ze-amaro-no-sao-paio-da-torreira/

domingo, julho 21, 2024

Super Kids, 4 Pérolas na Cama e Conectados vencem Corrida de Camas
Super Kids, 4 Pérolas na Cama e Conectados ocuparam, por esta ordem, o pódio da Corrida de Camas disputada em Válega.

Estas equipas obtiveram as melhores pontuações no combinado de provas realizadas no centro da vila.

Válega viveu mais uma edição deste evento que é uma espécie de Carnaval em pijama. Mas se no Carnaval (em Ovar, sede do concelho), os foliões se gabam de não ir à cama, em Válega, na Corrida de Camas, tudo se passa em cima delas.
https://www.ovarnews.pt/super-kids-4-perolas-na-cama-e-conectados-vencem-corrida-de-camas/
Jeremiah Bailey despede-se dos adeptos vareiros
Já se previa que Jeremiah Bailey, um dos jogadores que mais contribuiu para o excelente final de época da Ovarense Basquetebol, não fica em Ovar para a próxima época.

O norte-americano anuncia que está de saída. Não sem antes deixar palavras de gratidão a todos os vareiros, incluindo o staff, direção, adeptos e sócios do clube.

No momento da partida (a caminho do Sporting?) enaltece a "experiência e as lições sem preço que aqui aprendeu, agradecendo a todos a dedicação".

https://www.ovarnews.pt/jeremy-bailey-a-ovarense-esta-no-coracao-de-cada-fa/
https://www.ovarnews.pt/jeremiah-bailey-despede-se-dos-adeptos-vareiros/

sábado, julho 20, 2024

Válega: Rojoada ao centro e todos à volta
O melhor da cozinha de Válega está servido naquelas mesas corridas onde somos todos primos e primas e brindamos juntos.

No âmbito do aniversário da elevação de Válega a vila, o fim de semana é  gastronómico com a terceira edição da Rojoada ao Centro.

É só escolher entre as Associações participantes:

* Confraria dos Rojões de Válega;

* CCRV - Centro Cultural e Recreativo de Válega;

* Casa do Povo de Válega;

* Associação Amigos de São Bento;

* Associação Cultural e Recreativa de Valdágua;

* GAC - Grupo de Acção Cultural.

 

 
https://www.ovarnews.pt/valega-rojoada-ao-centro-e-todos-a-volta/
"Casa dos Barcos" instala-se na antiga Olaria "O Caco"
A Câmara Municipal de Ovar vai ceder,  através de comodato, o edifício “Olaria” à CENÁRIO – Centro Náutico da Ria de Ovar, pelo prazo de cinco anos.

A proposta do Município visa a criação de um espaço de promoção do património náutico e de recreio, através da exposição de elementos turísticos, da dinamização de oficinais e de workshops para a comunidade em geral.

A CENÁRIO confirma: "Vamos gerir e dinamizar um novo espaço em Ovar, destinado à promoção e divulgação da memória náutica da Ria de Aveiro e dos barcos de recreio, em que Ovar tem papel preponderante".

A "Casa dos Barcos" será o primeiro espaço em Portugal dedicado em exclusivo ao património náutico de recreio, numa perspectiva museológicap.

O imóvel foi adquirido pela câmara em 2019, porque, segundo Salvador Malheiro, "os vareiros têm um sentimento sobre a arte tradicional da olaria”.

O anúncio é surpreendente, pois a ideia que presidiu à compra do imóvel seria preservar a arte do oleiro, já que ali funcionou a Oficina de cerâmica de Evaristo Estarreja, mais conhecida como “olaria do Alto de Saboga”, uma das actividades mais prósperas de Ovar desde final do Séc. XIX até meados do Séc. XX.

Em Ovar, chegaram a estar registadas mais de vinte olarias na primeira década do último século, ao ponto de atribuir o seu nome a um largo, que é o actual Largo da Olaria, onde se localizavam várias daquela mais de duas dezenas de olarias.
https://www.ovarnews.pt/casa-dos-barcos-instala-se-na-antiga-olaria-o-caco/
Daniel Pinho e Vicente Vieira no TOP da Associação de Ténis de Mesa de Aveiro
No culminar de uma época desportiva bastante positiva para os atletas de formação do Clube Cultural e Recreativa de Válega (CCRV), eis que surge "a cereja no topo do bolo".

Daniel Pinho é o novo número 1 do ranking da Associação de Ténis de Mesa de Aveiro (ATMA), seguido por Vicente Vieira, da ACR Saavedra Guedes e a fechar o pódio, outro valeguense: Telmo Resende, também atleta do CCRV.
https://www.ovarnews.pt/?p=82713
Morreu Carlos Pinto, Mestre-Sala da Juventude Vareira
Faleceu Carlos Pinto, um dos sambistas de eleição do carnaval de Ovar. Sempre fiel à Juventude Vareira, escola de samba do seu coração, começou pela bateria, mas a sua paixão pela festa pedia mais.

Teve uma primeira experiência como Mestre Sala no ano 2000, a aprovação foi unânime e ali se viria a manter, ininterruptamente, de 2003 até 2023.

Com Júlia Borges irradiava alegria, formando um dos casais de Porta-Bandeira e Mestre-Sala mais carismáticos de sempre do Carnaval de Ovar.

Carlos Pinto faleceu esta sexta-feira, com 52 anos, vítima de doença prolongada. O seu funeral realiza-se na segunda-feira, dia 22 de julho, às 15 horas, da Capela da Sr.ª da Graça para o cemitério de Ovar.
https://www.ovarnews.pt/morreu-carlos-pinto-mestre-sala-da-juventude-vareira/
O apresentador da RTP, Hélder Reis, não conseguiu conter a sua indignação e desabafou: "Ovar não pode demolir o seu cine-teatro!"

Hélder, que partiu aos 13 anos de casa dos pais em Esmoriz para ser padre, reforçou que "a memória não se pode matar assim".

Hélder Reis foi condecorado com a medalha de mérito do Município de Ovar, em 2022. O comunicador foi distinguido pelo trabalho que tem realizado na área das artes e cultura. "Foi muito emocionante ser homenageado na terra do meu pai, Esmoriz, terra da minha mãe e o meu berço. Sinto que as minhas origens dão sentido ao meu futuro".

É com tristeza que soube desta decisão: "A memória não se pode matar assim".

Hélder Reis começou por ser o empregado de mesa na Praça da Alegria, estudou para ser apresentador e procurou sempre fazer tudo o melhor possível. Com 20 anos de televisão, Hélder Reis tem projetos na música, na agricultura e está agora a correr o mundo com aquele que diz ser o programa da sua vida - "Notícias do Meu País".
https://www.ovarnews.pt/helder-reis-contra-demolicao-do-cine-teatro-de-ovar/
O filme “Raticida”, de João Niza Ribeiro, recebeu esta sexta-feira o prémio de melhor curta-metragem na secção competitiva do Shortcutz Ovar, e “Ice Merchants“, de João Gonzalez, foi o filme escolhido pelo público, anunciou o júri da mostra.

“Raticida”, filmado no Porto, apresenta-se como “uma visão distópica urbana”, a partir do quotidiano do protagonista, que o júri destacou como “retrato paralelo de uma comunidade migratória” confrontada “com as dificuldades em se adaptar ao meio socioeconómico do país atual”.

O prémio especial do júri foi atribuído a “Palma”, de Mónica Santos, a segunda distinção da realizadora no Shortcutz Ovar, onde em 2019 recebeu o prémio de melhor curta por “Entre Sombras”, co-dirigida com Alice Guimarães.

“Azul”, de Ágata de Pinho, teve o prémio de melhor primeira obra, enquanto o de melhor animação foi para “Garrano”, de Vasco Sá e David Doutel.

“Ice Merchants“, a premiada curta-metragem de animação de João Gonzalez, que obteve uma nomeação para os Óscares, no ano passado, foi eleita a preferida do público.
https://www.ovarnews.pt/raticida-de-joao-ribeiro-eleita-melhor-curta-metragem-no-shortcutz-ovar/

sexta-feira, julho 19, 2024

Um ferido após despiste de carro em São João de Ovar
Um ferido é o resultado de um despiste automóvel, esta tarde de sexta-feira, na A1, na zona de São João de Ovar.

O alerta foi dado, cerca das 15h, para os bombeiros de Ovar, para um acidente rodoviário, na A1, sentido sul/norte, na zona de São João de Ovar. A vítima foi levada para o hospital de Santa Maria da Feira.

O destacamento de trânsito da GNR esteve no local a investiga as causas do acidente.
https://www.ovarnews.pt/um-ferido-apos-despiste-de-carro-em-sao-joao-de-ovar/
A edição Especial Verão da corrida ‘Free Running’, organizada pela Câmara Municipal de Lousada, regressa à praia de Cortegaça este domingo.

A corrida tem dois percursos: um tem 30 quilómetros e estende-se pela costa entre Cortegaça, em Ovar, e a Afurada, em Vila Nova de Gaia; o segundo é mais curto, com 15 quilómetros, começando na Aguda e terminando também na Afurada.

O município oferece transporte de autocarro gratuito para os participantes, sendo o número de lugares limitado.
https://www.ovarnews.pt/especial-verao-do-free-running-leva-participantes-a-cortegaca/
O Instituto da Habitação e da Reabilitação Urbana (IHRU) abriu um concurso público para a reabilitação de 50 frações habitacionais no distrito de Aveiro, com o preço base de 1,3 milhões de euros.

Segundo um anúncio publicado em Diário da República, a empreitada tem um preço base de 1.323.855,00 euros.

O concurso foi dividido em nove lotes, tendo por base o local de execução do contrato, sendo adjudicados no máximo três lotes a cada concorrente. As empreitadas têm prazos de execução entre os 60 e 150 dias.

A maior fatia, cerca de 470 mil euros, vai para a reabilitação de 15 habitações devolutas (cinco de tipologia T3 e 10 de tipologia T2) no Bairro do Griné, em Santa Joana, no concelho de Aveiro.

Estas obras há muito que vêm sendo reclamadas pelos moradores e pela autarquia, dado o estado de degradação em que se encontra o bairro.

Para o concelho de Aveiro, o concurso do IHRU inclui ainda a reabilitação de oito fogos no bairro de Santiago e seis fogos no bairro do Caião.

Os restantes 21 fogos a reabilitar situam-se em Espinho (Bairro da Quinta da Marinha e bairro de Ponte d’Anta), Ovar (Bairro de Alto Saboga e Bairro Av. Praia de Esmoriz), Anadia (Bairro de Anadia) e Águeda (Bairro de S. Pedro).
https://www.ovarnews.pt/ihru-lanca-concurso-para-requalificar-casas-em-ovar-e-esmoriz/
A natureza é o cartão de visita perfeito para este fim de semana, em férias ou em momentos de descanso e descontração.  No âmbito da marca Estação Náutica de Ovar, o repto é mergulhar na beleza natural do concelho.

No dia 20 de julho, as iniciativas iniciam às 9h, no Cais da Ribeira, com Observação de Aves. Segue-se, às 10h, um passeio de bicicleta pelos Cais da Ria.

À tarde, as atividades continuam na Marina do Carregal, a partir das 17h, com experiências de canoagem, vela e stand up paddle, culminando com a atuação do DJ Wilson Honrado, às 18h.

As atividades náuticas continuam no dia seguinte, 21 de julho, com um Passeio de Barco, às 15h e às 17h, na Marina do Carregal e uma experiência de stand up paddle, na Praia do Areínho, a partir das 17h30.
https://www.ovarnews.pt/dj-wilson-honrado-em-cenario-de-beleza-natural-em-ovar/
 

A Câmara Municipal de Ovar promoveu mais uma edição bem-sucedida do «Ovar Career Camp», um programa inovador de orientação vocacional destinado a alunos do ensino secundário que reuniu mais de 30 jovens de 01 a 16 de julho de 2024. Esta iniciativa, totalmente financiada pela Câmara Municipal, destacou-se como uma experiência enriquecedora e transformadora para os jovens participantes, proporcionando-lhes ferramentas essenciais para o seu futuro académico e profissional.

“Na Câmara Municipal de Ovar continuamos a reafirmar o nosso compromisso com o desenvolvimento e a evolução dos jovens do concelho”, explica Ruben Ferreira, Vereador da Juventude da autarquia, sublinhando que ao “financiar integralmente o Ovar Career Camp, a autarquia investiu no futuro dos jovens, proporcionando-lhes uma oportunidade única de desenvolvimento pessoal e profissional”.

O «Ovar Career Camp» decorreu ao longo de duas semanas, cuidadosamente estruturadas para oferecer uma combinação de formação teórica e prática. Na primeira semana, os jovens participaram em sessões de formação intensiva em soft skills, abordando temas cruciais como comunicação eficaz, trabalho em equipa, liderança, gestão de tempo, resolução de conflitos e inteligência emocional, competências fundamentais para o sucesso em qualquer percurso académico ou profissional.

Na segunda semana, os participantes tiveram a oportunidade de visitar várias empresas em Ovar e no Porto, onde puderam observar de perto diferentes ambientes de trabalho e conhecer profissionais de diversas áreas. Estas visitas permitiram aos participantes obter uma visão prática do mercado de trabalho, explorar possíveis carreiras e entender as expectativas dos empregadores.

No final do evento, foram vários os participantes que expressaram a sua gratidão e satisfação com a experiência proporcionada pela Câmara Municipal de Ovar. Um dos participantes, afirmou: “Foi uma experiência incrível. Aprendemos muito sobre como nos comportarmos em diferentes situações, e as visitas às empresas ajudaram-me a perceber melhor o que quero fazer no futuro. Agradeço à Câmara Municipal de Ovar por esta oportunidade.”

O «Ovar Career Camp» é uma iniciativa que ocorre anualmente em Ovar, Porto e Lisboa, sendo que em Ovar o evento é integralmente financiado pela Câmara Municipal.

 

 
https://www.ovarnews.pt/municipio-prepara-jovens-para-o-mercado-de-trabalho-em-nova-edicao-do-ovar-career-camp/
O parlamento recomendou esta quinta-feira ao Governo que altere o formato atual do abate de árvores no perímetro Florestal de Ovar, como recomendava uma petição de 2022 assinada por mais de 19.000 pessoas desse concelho do distrito de Aveiro.

Em causa está a polémica intervenção de gestão florestal na origem do Projeto-de-Resolução 154/XVI/1.ª, que, partindo da iniciativa do PS, foi hoje levado à Assembleia da República pela Comissão de Agricultura e Pescas.

Embora com o voto contra de PSD e CDS-PP, a abstenção do IL e a ausência do PAN, a proposta passou com a aprovação de PS, Chega, BE, PCP e Livre, que assim recomendam ao Governo uma alteração nos procedimentos de abate executados pelo Instituto de Conservação da Natureza e Florestas (ICNF).

“A Assembleia da República resolve recomendar ao Governo que, através do ICNF, reveja o Plano de Gestão do Perímetro Florestal das Dunas de Ovar por forma a alterar a metodologia de corte das árvores e assim reduzir os diversos impactos negativos resultantes dos cortes rasos”, lê-se no documento hoje aprovado.

O referido projeto-de-resolução está relacionado com a petição “Salvem o perímetro florestal das dunas de Ovar”, cujos subscritores já em janeiro de 2022 se opunham ao corte de pinheiro bravo em cerca de 30 talhões dessa mancha de floresta junto à orla costeira de Ovar, o que corresponde a eliminar, no período de 2016 a 2026, um total de 250 dos 2.500 hectares aí existentes.

O abaixo-assinado pedia que a implementação desse plano fosse travada por constituir “um grave atentado ambiental” – atendendo, entre outros aspetos, a que o ICNF alegava selecionar apenas algumas árvores para corte, de forma homogénea entre a totalidade da mancha florestal, mas vinha procedendo ao que população, políticos locais e associações ambientalistas já então definiam como “um abate cego”, que deixava longas extensões de terreno sem um único pinheiro de permeio.

Perante a contestação pública gerada pela imagem desses talhões desbastados, o então Governo socialista suspendeu em fevereiro de 2022 o abate de árvores no local durante 30 dias, para apurar se a operação estava a cumprir a legislação. A entidade a quem a verificação foi confiada foi o ICNF, que no mês seguinte concluía que tudo estava “de acordo com a lei”.

Agora, em junho de 2024, após apreciar no terreno o andamento do abate, a estrutura cívica Movimento 2030 – que tem eleitos na Assembleia Municipal de Ovar – voltou a afirmar: “É fundamental pôr fim a este plano de gestão florestal, que, no nosso entender, assentou numa perspetiva de negócio e não no interesse da valorização e proteção da maior floresta a sul do Porto”.

Dois meses antes, também a associação ambientalista local “Amigos do Cáster” exigia, entre vários outros aspetos, “que não seja feita a remoção completa de talhões, exceto em situações de emergência fitossanitária”, e “que todas as verbas provenientes da venda de madeira, da resinagem e de outras atividades diretamente relacionadas com a floresta sejam reinvestidas no próprio Perímetro Florestal das Dunas de Ovar”.
https://www.ovarnews.pt/?p=82664

quinta-feira, julho 18, 2024

Murtosa: Nova zona industrial tem "caráter de urgência"
A necessidade de avançar com a Declaração de Utilidade Pública das parcelas de terreno para a infraestruturação da Zona Industrial da Murtosa – 3.ª Fase é justificada pelo Decreto-Lei n.º 80/2015 e prevista na revisão do PDM de 2015.

"A localização estratégica e o protocolo com o Governo para melhorar as acessibilidades tornam esta expansão essencial", salienta o edil Joaquim Baptista.

O Plano de Pormenor visa criar espaços empresariais sustentáveis, atrair novas unidades empresariais, integrar novas acessibilidades e promover a sustentabilidade ambiental.

Esta decisão é "crucial para fortalecer a economia local, criar empregos e promover a coesão social, refletindo um compromisso político com o desenvolvimento sustentável e a melhoria da qualidade de vida na região".

Assim, na qualidade de entidade expropriante vem, o Município da Murtosa, no cumprimento do estatuído no artigo 35.º do Código das Expropriações, notificar os proprietários e demais interessados que dispõem de um período de 15 dias para responder a esta proposta, findo o qual se dará início ao processo de expropriação litigiosa.

 
https://www.ovarnews.pt/murtosa-nova-zona-industrial-tem-carater-de-urgencia/
Vida e obra de Manuel Ramos Costa em exposição
 

Integrado no âmbito do dia do Município de Ovar, a Contacto e o Museu de Ovar vão inaugurar no próximo dia 25 de Julho, pelas 12h30, uma exposição sobre a vida e obra de Manuel Ramos Costa.

O fundador e encenador da Companhia de Teatro Contacto, de Ovar, faleceu em dezembro último.

A exposição estará patente de 25 de julho a 31 de agosto, de terça a sábado, das 9h30 às 12h30 e das 14h30 às 17h30

 
https://www.ovarnews.pt/vida-e-obra-de-manuel-ramos-costa-em-exposicao/
A Câmara Municipal aprovou o projeto de execução da Requalificação da Escola Básica António Dias Simões.

Na sessão do executivo desta quinta-feira, o projeto apresenta uma estimativa orçamental no valor de 5.606.869,94€ (cinco milhões seiscentos e seis mil, oitocentos e sessenta e nove euros e noventa e quatro cêntimos).

O início da empreitada ainda depende de vários fatores, incluindo o parecer favorável da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC).
https://www.ovarnews.pt/56-milhoes-para-requalificar-a-eb-antonio-dias-simoes/
Foi em Agosto de 2022 que estoirou a polémica: José Malhoa lançava o videoclip de “Ela Queria Três”, gravado na Igreja de Cortegaça.

E não caiu bem em alguns sectores da comunidade local. “Lamento muito que este videoclipe tenha sido realizado em frente à bonita Igreja de Cortegaça”, disse o pároco local. Há “razões suficientes para se promover esta Igreja, mas não certamente através de uma música pimba que desrespeita a Igreja Católica”.

A polémica foi tal que o cantor José Malhoa viu-se obrigado a reagir e, em comunicado, explicou que a recolha de imagens no interior da Igreja Paroquial de Santa Marinha de Cortegaça “foi proposta pelo Secretário Adjunto da Junta de Freguesia de São Vicente, que veio dizer que não havia qualquer obstáculo legal para que a mesma fosse feita”.

Assim sendo, "as gravações cinematográficas realizadas dentro do átrio da igreja foram feitas à vista de todos e sem nenhuma objeção por qualquer responsável da mesma”.

Na versão do pároco de Cortegaça, Manuel Dias Silva, foi um membro da equipa de José Malhoa que pediu a um colaborador da paróquia para abrir a porta. Depois, “parece que se aproveitaram da boa-fé para gravar e filmar”, acusou o pároco.

O logotipo da Câmara Municipal de Ovar, que surgia no final do vídeo, foi apagado pela produção, mas mantiveram-se os agradecimentos ao presidente da Câmara Municipal de Ovar e Junta de Freguesia de Cortegaça.

José Malhoa regressa a Cortegaça para atuar na Festa das Coletividades, no dia 20, antecedido de Nuno Norte.

Recorde o clip:

https://www.youtube.com/watch?v=3_CKZJ6dBYY&embeds_referring_euri=httpswww.ovarnews.ptnovo-clip-de-jose-malhoa-gravado-em-cortegaca-lanca-polemica&source_ve_path=OTY3MTQ
https://www.ovarnews.pt/?p=82640
Com o início da guerra na Ucrânia e a escalada da inflação, a DECO PROteste tomou a iniciativa de passar a realizar uma análise semanal dos preços de um cabaz constituído por 63 Produtos Alimentares Essenciais.

O cabaz inclui Carne, Congelados, Frutas e Legumes, Laticínios, Mercearia e Peixe, sendo considerados, entre outros, produtos como Perú, Frango, Carapau, Pescada, Cebola, Batata, Cenoura, Banana, Maçã, Laranja, Arroz, Esparguete, Açúcar, Fiambre, Leite, Queijo, Manteiga, entre muitos outros.

- Preço do cabaz desce esta semana 36 cêntimos

- Há produtos que continuam a registar subidas significativas. É o caso dos brócolos, que, na última semana, registaram um aumento de 42 cêntimos por quilo (mais 15%).

A partir desta semana, a informação sobre os valores do cabaz passam a ser informadas no OvarNews, graças a uma parceria com a DECO.

As simulações de preços também podem ser feitas aqui: https://www.deco.proteste.pt/familia-consumo/supermercado/simule-e-poupe/supermercados-online-qual-vende-mais-barato .

Sobre a análise de 10 de julho de 2024:

- Entre o dia 03/07 e o dia 10/07 existe uma diferença de -0,36 € quando comparado o mesmo cabaz nos 2 dias ( -0,16 %).

- Entre o dia 03/01 e o dia 10/07 existe uma diferença de -7,93 € quando comparado o mesmo cabaz nos 2 dias ( -3,36 %).

- Entre o dia 12/07/23 e o dia 10/07/24 existe uma diferença de 15,34 € quando comparado o mesmo cabaz nos 2 dias ( 7,21 %).

- Entre o dia 23/02/22 (Início guerra Ucrânia) e o dia 10/07/24 existe uma diferença de 44,48 € quando comparado o mesmo cabaz nos 2 dias ( 24,22 %).

 

 

 
https://www.ovarnews.pt/produtos-do-cabaz-registam-subidas-significativas-desde-a-semana-passada/
Desde que os cartões bancários passaram a ter contactless, os pagamentos tornaram-se mais simples e rápidos.

Basta tirar o cartão do bolso, passar pelo terminal multibando 'et voilá'... já está!

Porém, a simplicidade traz também advertências e se não houver cuidados, os mais desatentos podem ser enganados.

A pensar nisso o Banco de Espanha emitiu um alerta para um gesto que nunca deve esquecer quando faz pagamentos através desta funcionalidade.

Referimo-nos ao cuidado de confirmar sempre o valor a pagamento.

Com a pressa, muitos acabam por simplesmente apresentar o cartão ou o telemóvel para pagar, sem confirmar o valor, podendo facilmente ser burlado desta forma.

A par desta indicação há ainda outros passos que deve seguir para nunca perder a conta aos pagamentos que faz, segundo esta entidade. São elas:

- Ao efetuar um pagamento sem contacto, quando encostar o telemóvel ou o cartão, verifique o montante apresentado no ecrã e certifique-se de que está correto. 

- Guarde o recibo da loja. Desta forma, pode certificar-se de que o montante cobrado no telemóvel ou no cartão corresponde ao montante da compra.

- Verifique os débitos do cartão na sua conta para ter um melhor controlo das transações que efetua.

- Por último, informe-se junto do seu banco sobre a possibilidade de lhe enviar uma mensagem SMS sempre que for efetuado um débito no cartão associado ao seu telemóvel.
https://www.ovarnews.pt/paga-com-contactless-entao-tome-atencao/
As Festas do Mar de Cortegaça, em honra de Nossa Semhora da Nazaré, uma das maiores romarias populares da região, está de volta.

A festa, que decorre entre 30 de agosto e 2 de setembro, terá os Santamaria como convidados do palco principal na noite de 31 de agosto.

A banda icónica dos ritmos dance-pop, pioneira no nosso país, está a assinalar 25 anos de carreira, aguardando-se um concerto de celebração, o revisitar das canções que ao longo de mais de duas décadas têm vindo a marcar a música nacional.

O programa das Festas do Mar de Cortegaça é composto, igualmente por momentos religiosos, com destaque para a procissão com benção do mar e vários momentos de animação com a participação de outros grupos musicais.
https://www.ovarnews.pt/cortegaca-santamaria-sao-cabeca-de-cartaz-das-festas-do-mar/

quarta-feira, julho 17, 2024

Duas décadas depois do primeiro encontro das três comunidades

Câmara da Feira volta a juntar Brasil, Venezuela

e África do Sul na secular Festa das Fogaceiras

Mítica miniatura em prata do Castelo regressa à terra passados 65 anos

Em janeiro do próximo ano, a Câmara Municipal de Santa Maria da Feira volta a juntar as três casas portuguesas que recriam a secular Festa das Fogaceiras na diáspora – Brasil, Venezuela e África do Sul –, precisamente duas décadas depois de terem participado nas comemorações oficiais dos 500 anos desta festividade religiosa, assinalados em 2005 com um extenso programa cultural e a participação de mais de 600 meninas fogaceiras no Cortejo Cívico e Procissão.

A mítica miniatura em prata do Castelo da Feira – que em 1959 rumou ao Brasil a bordo do navio Vera Cruz, transportando no seu interior um punhado de terra da praça de armas do ex-libris feirense – também vai regressar à terra mãe 65 anos depois, para desfilar na Procissão das Fogaceiras, ponto alto da programação do dia 20 de janeiro, feriado municipal.

O convite foi feito pelo presidente da Câmara, Amadeu Albergaria, no decurso da sessão solene comemorativa dos 71 anos da Casa da Vila da Feira, celebrados a 12 de julho, e é extensível à Associação Civil Amigos das Terras de Santa Maria (Caracas, Venezuela) e Associação da Comunidade Portuguesa de Pretória (África do Sul), que em breve serão convidadas pelo Município de Santa Maria da Feira.

“Para além de verdadeiras embaixadas feirenses no mundo, estas associações são importantes polos sociais e culturais junto das comunidades portuguesas. Faz todo o sentido que regressem a Santa Maria da Feira e à Festa das Fogaceiras 20 anos depois do primeiro e único encontro que as juntou na terra mãe”, vinca o autarca.

No domingo seguinte ao feriado municipal de 20 de janeiro, a Casa da Vila da Feira assinala 70 anos de recriações da Festa das Fogaceiras, no histórico bairro da Tijuca, Rio de Janeiro, onde está sediada. Também na Venezuela e África do Sul, a Festa das Fogaceiras será recriada em janeiro pelas comunidades emigrantes, em dia a definir.

Na sua intervenção no Brasil, o autarca da Feira garantiu a continuidade das ações de cooperação com a Casa da Vila da Feira e anunciou um apoio excecional para a organização da Festa das Fogaceiras de 2025, pelo simbolismo e relevância dos 70 anos de recriação desta festividade em terras de Vera Cruz.

“Não basta agradecer e enaltecer o trabalho meritório de décadas das casas portuguesas na preservação e promoção da cultura e tradições feirenses na diáspora. É fundamental garantir a continuidade e, sempre que possível, reforçar as ações de cooperação e os apoios municipais que contribuem para a manutenção das suas atividades. Só desta forma estamos a contribuir para verdadeiras políticas de aproximação do nosso território às comunidades feirenses espalhadas pelo mundo, que preservam de forma admirável a nossa cultura e as nossas tradições”, reforça o autarca.

Na mesma sessão, Amadeu Albergaria anunciou ainda a atribuição por unanimidade, em sede de reunião camarária, do Diploma de Mérito Municipal a Rose Boaventura, diretora da Casa da Vila da Feira e responsável pelo Departamento Feminino da associação, “pelo seu inestimável contributo para a promoção e perpetuação da história e cultura das Terras de Santa Maria no Rio de Janeiro, Brasil”.

O secretário de Estado das Comunidades Portuguesas, José Cesário, que presidiu à sessão solene, reconheceu a relevância dos apoios anunciados pelo autarca feirense. “Este é o exemplo de como é importante para as políticas dirigidas às comunidades portuguesas a participação e a intervenção dos municípios”, sublinhou o governante. “Este apoio que aqui foi transmitido – a comunhão que traduz, a unidade e o trabalho conjunto – é determinante para uma verdadeira política de aproximação de Portugal às suas comunidades. Deve ser assim com todos.”, frisou José Cesário.
https://www.ovarnews.pt/camara-da-feira-volta-a-juntar-brasil-venezuela-e-africa-do-sul-na-secular-festa-das-fogaceiras/
PASSATEMPO: Ganha bilhetes duplos para a Convenção Europeia de Malabarismo em Ovar
Ovar recebe de 27 de julho a 4 de agosto a 46.ª edição da Convenção Europeia de Malabarismo, que deverá reunir em formação, competições e espetáculos cerca de 5.000 participantes de 55 países, e o OvarNews vai oferecer bilhetes aos nossos leitores que vai deixar todos eles “positivamente loucos”.

Organizada pela Associação Europeia de Malabarismo (conhecida como EJA, de European Juggling Association), a iniciativa realiza-se pela primeira vez no referido concelho do distrito de Aveiro graças à colaboração com duas entidades portuguesas – o Coletivo Terylene e a companhia Marimbondo – e ao apoio da Junta de União de Freguesias de Ovar, São João, Arada e São Vicente Pereira, e também da Câmara Municipal de Ovar – que já aprovou a atribuição de um apoio financeiro “até 35.000 euros” à convenção.

“É o maior e mais colorido evento no universo do malabarismo, envolvendo profissionais, amadores, ‘hobbistas’, performers de novo circo e artistas de rua”, refere fonte da EJA, acrescentando à lista ainda “acrobatas do chão e do ar, monociclistas e manipuladores de fogo, de ‘hulla-hoops’ e de balões”.

A mesma entidade defende que aqueles que vão à Convenção “constituem uma comunidade única de pessoas positivamente loucas”, pelo que o evento constitui uma especial oportunidade para “trocar técnicas, truques e ideias”, não apenas nas sessões reservadas a participantes, mas também em iniciativas abertas ao público, como a parada de malabaristas e outros ‘performers’ anunciada para 28 de julho entre o centro de Ovar e a Praça da República.

No caso das ações de acesso restrito, as várias atividades incluídas no programa – ainda por fechar – vão decorrer em espaços como o parque de estacionamento do centro comercial VIDA Ovar, o Pavilhão João Gonçalves, o Centro de Formação ADO Futebol e o Clube de Caça e Pesca de Ovar.

Tanto nesse último espaço como em Cortegaça estão a ser criadas condições para, em parceria com núcleos escutistas locais, aí ficar acampada a maioria dos participantes.

Já as propostas abertas ao público em geral deverão ter como palco a Praça da República, o Largo de São João de Ovar e a envolvente da praia do Furadouro.

A EJA realça que, apesar da sua denominação oficial, a Convenção é mais “global” do que europeia, dado que “em cada ano nela participam pessoas de todo o mundo”, o que se reflete numa exposição a técnicas e referências culturais de diversos continentes.

“É um mundo mágico e excecional de pessoas ativas, criativas e entusiasmadas, que têm uma atitude positiva em relação ao seu desenvolvimento pessoal, ao divertimento e a conhecer gente nova. Idade, profissão, visões políticas, crenças religiosas ou cor da pele não importam”, asseguram os organizadores.

PASSATEMPO: Fica atento para ganhar entradas duplas para os espetáculos.
https://www.ovarnews.pt/passatempo-ganha-bilhetes-duplos-para-a-convencao-europeia-de-malabarismo-em-ovar/
O estranho caso da Rua da Relva (ou Rua do Paço) - Por Florindo Pinto
Aquando da atribuição de nomes de Ruas, em substituição dos velhos lugares, fiz parte

da “Comissão de Moradores”, incumbidas, todas elas, de colaborar na execução desses

trabalhos e, por isso, sei que a Rua, onde eu moro, se chamava, ou ainda se chama:

Rua Relva de Cima.

Toda a minha documentação pessoal, bem como os registos oficiais de propriedade,

referem essa localização; Rua Relva de Cima, 58 – Esmoriz.

Mas, sem que disso tenha sido dado conhecimento aos moradores, apareceu, afixada

na rua em causa, a norte, uma outra placa com a designação: Rua do Paço,

“documento” que, me parece oficial.

Preocupado, por que me orgulho de ser um cumpridor da Lei e, das regras em

comunidade, venho solicitar a V. Exªs., uma cópia da acta, da vossa deliberação, que

refira a alteração do nome da Rua, para que possa proceder às mudanças de dados e,

corrigir os registos oficiais.

Se acaso, o envio desse documento implicar o pagamento de uma qualquer taxa, ou

verba, por favor, digam, servindo-se do meu endereço, para que, de pronto proceda

ao seu pagamento.

Não estranhem esta minha observação “pagamento”, por que, nesta terra, se precisar

de uma confirmação de residência, que não posso pedir à freguesia vizinha, tenho de

pagar x €€€€€.

- Quando no dia 7 de Junho, me apercebi daquela placa, logo pensei em falar, para me

inteirar das razões, que justificaram a mudança, com os responsáveis locais.

- No dia seguinte (08/06/2024), uma senhora, funcionária, distribuidora, dos correios,

me pergunta, junto à minha residência, se eu conhecia onde ficava a Rua Relva de

Cima, tive de lhe dizer: sempre conheci esta a rua com esse nome, mas, minha

senhora, não se esqueça, que está em Esmoriz.

- Dia 09/06/2024, tempo de eleições e, para os autarcas, tempo para ajudar os

eleitores a votar, admiti, que teria, naquela função, a pessoa certa, para dar conta do

meu reparo e, de ser esclarecido.

Encontrei duas senhoras, na árdua tarefa de ajudar, uma, que faz parte do do

Executivo, que me ouviu e, nada disse e, uma outra, deputada da Assembleia de

Freguesia, que muito quis saber e, que assumiu o compromisso de ao “dono” ir dizer.

E, em verdade, cumpriu.

- No dia seguinte, tive a oportunidade de, pessoalmente, ao presidente do Executivo,

dar conhecimento da situação e, ouvi uma resposta, que é normal e, muito usual: Vou

ver isso.

- Passado mais de 20 dias, em conversa com o “dono” disto tudo, perguntei o porquê

daquela “coisa”, não ter sido, ainda, removida.

Com ares de estranheza, foi dizendo, que já tinha dado ordens para ser feita a

correção. Retorqui e perguntei: e mandas alguma coisa?

- Na tarde desse dia, recebi a visita do encarregado da obra, funcionário da Junta de

Freguesia, que me garantiu, que já tinha colocado a placa identificadora, certa e,

correcta.

Por que tinha, horas antes, visto a tal placa enganadora: Rua do Paço, discordei e, para

tudo clarificar, o acompanhei ao local do “crime”.

Percebi, então, que a Rua passou a ter duas denominações. Dei conta do meu pensar

e, sugeri a retirada de uma placa, que, até agora, lá se mantem.

- O funcionário em causa, deu uma explicação, sem cabimento e, que, me leva a

pensar, que a decisão é uma obra pessoal, ou de uma vontade autárquica abusadora

de poder, ou identificadora de compadrio.

- Hoje, pela manhã, voltei a falar, na via pública, com o presidente do Executivo, que

afinal não cumpriu com a palavra corriqueira do “vou ver isso” e, lhe disse, que não

calaria, se, ainda hoje, os quatro parafusos, que seguram a placa, não fossem

retirados.

- Como a placa, lá continua e, já passaram meia dúzia de horas, talvez eu tenha andado

a “falar para o boneco, ou a fazer chover no molhado” e, o autarca local, talvez

“apanhado” por uma decisão camarária e, nada querer dizer, logo tenha razão, para

não “ligar” ao assunto e, daí, o meu pedido da acta, que documente a alteração do

nome da Rua.

Esmoriz, 12/07/2024

Florindo de Oliveira Pinto
https://www.ovarnews.pt/?p=82598
As inteligências artificiais (IA) têm surgido e popularizado-se com enorme velocidade pelas

plataformas digitais. Hoje elas não estão apenas a criar textos a partir de informações, mas

também imagens, vídeos e muito mais. Ao procurar por um site de apostas hoje nas melhores

interfaces de busca, como o próprio casino mr. bet, é possível se deparar com ofertas de

aprimoramento de IAs.

O que muitos não sabem, por outro lado, é que as IA tem causado um impacto também no

mundo da culinária, com geração de receitas e combinações um tanto, inusitadas, por assim

dizer. Por isso, neste artigo, a espiada fica por conta de como esses pensamentos tecnológicos

têm mudado o mundo dos cozinheiros e pratos elaborados.

Como as IA podem atuam no meio culinário

Muitos podem apontar que uma IA não poderia atuar no ramo culinário, principalmente por

não conseguir sentir sabores e nem apreciar os aromas. Por outro lado, é preciso se atentar

que uma Inteligência Artificial deve ser usada como uma ferramenta, em exclusivo, usada por

um ser humano. Além disso, elas funcionam através de um treinamento prévio e acesso a um

banco de dados ou mesmo à própria rede, aproveitar do conhecimento humano prévio para

sugerir e criar.

Quais os impactos da IA durante os processos culinários

O ceticismo pode apontar que não, mas as IA já têm muitos impactos e usos para o mundo

culinário e têm sido usadas, ou pelo menos vislumbrada, como um recurso valioso na hora de

cozinhar e inovar dentro da cozinha.

1. Personalização de receitas

Com o acesso que as IA têm às receitas existentes ou mesmo aquelas fornecidas por seus

utilizadores, mais o acesso aos seus bancos de dados, elas podem personalizar receitas muitomais facilmente. Isto também permite que os cozinheiros possam ter a certeza muito mais

precisa e rápida sobre a troca de um ingrediente ou outro, no caso de falta, por exemplo. A

garantir, assim, maior autonomia de mudar e criar variações de receitas.

2. Novas criações

Com base em seu banco de dados, as IA também podem sugerir novas criações e inovações

dentro da cozinha. Disto, novas refeições e sobremesas podem surgir, com combinações

inusitadas de ingredientes. Claro, a experiência humana pode e deve agir com conjunto com

as possíveis sugestões, a fazer com que assim boas criações sejam possíveis.

3. Processos mais precisos

Os processos mais precisos na hora de cozinhar em conjunto com as IA podem proporcionar

acertos maiores. As medidas apontadas por elas também têm como intuito evitar o

desperdício de alimentos. Ou seja, além de buscar uma economia de ingredientes, que talvez

não fossem necessários para um mesmo resultado, ela pode evitar porções excessivas dentro

da cozinha, que fazem a comida ser jogada fora.

4. Perfeição em aroma, sabores e texturas

A ajuda das IAs no meio culinário pode auxiliar na busca pela perfeição das refeições. O

melhor aroma, o sabor mais palatável e a textura mais deliciosa de se sentir na boca. Tudo

isto com base em um banco de dados abrangente e em tudo o que elas podem aprender com

os renomados chefs de cozinha.

A experimentar hoje mesmo

Com o perdão do trocadilho, mas hoje as IA podem representar uma verdadeira revolução

para o mundo culinário. Ao contrário do que muitos possam imaginar, porém, elas não

precisam se limitar unicamente ao âmbito profissional, a se mostrar uma boa ferramenta

também para o uso doméstico ou acessível para os entusiastas culinários.

O que o futuro das IA reserva à culinária parece promissor, principalmente com o avanço das

possibilidades que já existem atualmente. O melhor de tudo é que elas estão a apenas alguns

cliques de serem aproveitadas.
https://www.ovarnews.pt/?p=82601
Já é conhecido o alinhamento do Carnaval de Verão em Válega
Válega acolhe o habitual desfile do Carnaval de Verão, no próximo dia 20 de julho, a partir das 21 horas.

Os grupos participantes são os seguintes:

* Sonhos Violeta

* Condores

* Barulhentas

* Vampiros

* Xaxas

* Kan-Kans

* Marados

* Pierrots

* Os Foragidos de Mosteirô

* Palhacinhas

* Gres Charanguinha

* Os Bailarinos de Válega

No final, há música pela noite dentro com a dupla de Dj's Ao Jeito Delas.
https://www.ovarnews.pt/ja-e-conhecido-o-alinhamento-do-carnaval-de-verao-em-valega/
Mais de um século depois, o Neptuno "perdeu" o seu tridente
Constitui o espaço mais antigo da urbe. Entre 1695 e 1867 existiu neste local a casa e o celeiro do castelo.

A praceta foi aberta em 1876 e o Chafariz Neptuno inaugurado em 1877, convertendo-se no primeiro abastecimento público de água na cidade. De gosto marcadamente clássico, o chafariz é coroado por uma estátua de Neptuno que na mão direita segura um tridente.

Há quase um século e meio que os vareiros estão seguros no seu estatuto de vareirismo porque ali em cima, vigilante, está o Neptuno a olhar por nós.

Mas nos tempos que correm já nada é garantido. Não se sabe há quanto tempo aconteceu, mas o Neptuno "perdeu" o seu tridente e não foi o vento que o levou.

Pode ter acontecido agora ou pode ter sido por altura dos festejos do Sporting campeão, já que o Neptuno apresenta um cachecol dos leões ao pescoço, ou pode ter sido numa data pelo meio.

Nas redes sociais, os comentários de choque sucedem-se: "Brinca-se com algo que deveria ser precioso e orgulho de nossa terra". Patrícia Alves sublinha que "ainda partiram parte dos dedos que seguravam o tridente. Vandalismo". Por seu lado, Bruno Miguel lamenta que "a falta de respeito e a pouca vigilância na cidade resultem nisto".

Tratando-se de um símbolo da cidade vareira, a Câmara Municipal de Ovar já devia ter vindo a público explicar o que aconteceu (se é que sabe) e anunciar uma solução urgente. É impensável passar assim o Dia do Município.

 

 

 
https://www.ovarnews.pt/mais-de-um-seculo-depois-o-neptuno-perdeu-o-seu-tridente/
OvarSincro brilhante no Open de Verão de Natação Artística
As meninas do OvarSincro brilharam nas Piscinas Municipais Fernando Cunha, em Torres Novas, no Campeonato Nacional Open de Verão de Natação Artística.

Num total de 205 atletas em representação de 13 clubes, o Clube Fluvial Portuense conquistou a Taça de Portugal, Troféu de Formação Desportiva e Masters, nesta última "ex aequo", com o Cascais Water Polo Club, somando os mesmos pontos, 248 pontos. A Gesloures conquistou o Trofeu Rendimento Desportivo.

Na Taça de Portugal, as fluvialistas somaram 1007 pontos, seguidas pela Gesloures (1007) e Ovarsincro (787).

No Troféu de Formação Desportiva, as portuenses contabilizaram 687 pontos. A Ovarsincro foi segunda (461) e o Portinado terceira (420).

No troféu Master, a equipa portuense repartiu o triunfo com o Cascais WP (248 pontos).

Na classificação do Troféu Rendimento Desportivo, a Gesloures somou 613 pontos, seguida do Fluvial Portuense com 557 e do Ovarsincro (336).

O Clube OvarSincro teve uma participação brilhante no Campeonato Nacional Open de Verão de Natação Artística. As nossas atletas destacaram-se com resultados excecionais, conquistando várias posições de pódio, ou seja, dois títulos nacionais, cinco segundos lugares e dois terceiros lugares.

Acrobático - 1º lugar

Ana Rita Ramos, Beatriz Gama, Carolina Leite, Matilde Gama, Inês Berlinchas, Mafalda de Paula, Maria Oliveira e Marta Valente

Equipa Livre Absoluta - 2º lugar.

Ana Rita Ramos, Beatriz Gama, Carolina Leite, Matilde Gama, Inês Berlinchas, Mafalda de Paula e Maria Oliveira.

Dueto Livre Absoluto - 6º lugar

Carolina Leite e Maria Oliveira.

Dueto Livre Júnior - 2º lugar

Inês Berlinchas e Mafalda de Paula

Dueto Livre Juvenil - 2º lugar

Inês Berlinchas, Lara Romão e Mafalda de Paula

Combi Juvenil - 3º lugar

Beatriz Sousa, Inês Berlinchas, Lara Romão e Mafalda de Paula

Figuras Técnicas Juvenis:

- 2º - Inês Berlinchas;

- 3º -Mafalda Paula;

- 6º- Lara Romão;

- 41º - Beatriz Sousa.

Combi Infantil Nacional - 1º lugar

Mariana Mendes, Matilde Costa, Miriam Manarte, Maria Sousa, Beatriz Silva, Leonor Folques, Leonor Garcia e Joana Figueiredo

Dueto Livre Infantil Nacional - 2º lugar

Matilde Costa e Miriam Manarte e Mariana Mendes

Figuras Técnicas Infantis;

- 5º -Leonor Folques;

- 12º –Mariana Mendes;

- 16º - Matilde Costa;

- 28º-Miriam Manarte;

- 34-Maria Sousa;

- 38º- Joana Figueiredo;

- 43º- Leonor Garcia;

- 52º-Beatriz Silva;

- 54º-Tamara Reis;

- 60º-Maria do Mar Godinho.

 

 
https://www.ovarnews.pt/ovarsincro-brilhante-no-open-de-verao-de-natacao-artistica/

terça-feira, julho 16, 2024

Base Aberta também às Melindrosas e aos Marados
As Melindrosas e os Marados, respetivamente, grupos de passerelle e carnavalesco de Ovar, estiveram presentes no Dia Aberto da Base Aérea n.8, em Maceda.

No passado dia 14 de julho, elas garantiram bons petiscos e bebidas refrescantes e quem por lá passar diz que "a melhor parte é que nem foi  preciso fazer flexões ou corridas"

Igualmente animada e com oferta variada esteve a barraquinha dos Marados nesta estreia dos grupos de Carnaval de Ovar nesta iniciativa da Força Aérea Portuguesa que proporciou a possibilidade de uma receita extra aos grupos de foliões interessados.
https://www.ovarnews.pt/base-aberta-tambem-as-melindrosas-e-aos-marados/
Sistema BikeSharing de Ovar aponta ao Dia do Município
Uma cidade plana como é Ovar possui todas as caracteristicas fundamentais para a utilização de bicicletas. Todavia, as antigas estão em grande parte estão inoperacionais.

O projeto Bikesharing surgiu então como solução para renovar toda a frota e lançar novas estações pelo concelho.

Passado mais de 1 ano do fim do contrato, parece que é desta que o projeto arranca.

O Sistema de Gestão de Bicicletas

Partilhadas do Município de Ovar, nasce de um contrato celebrado com a Sociedade EVCE POWER, Ld.ª, na sequência de concurso público, de 29 de dezembro de 2022 e com um prazo de 4 meses – já deveria estar cumprido em abril de 2023(!!!!).

O valor a pagar cifrou-se em 274.825€ + IVA, verba proveniente do Programa Portugal 2020.

A Câmara Municipal justifica que o projeto ainda não foi para o terreno "porque o licenciamento da plataforma que lhe dá suporte informático ainda não estava concluído".

O Contrato e do Caderno de Encargosasublinga, no entanto, que a responsabilidade da implementação da Plataforma é da Sociedade EVCE, que seria obrigada, previamente, a ter todos os licenciamentos cumpridos para poder concorrer ao concurso público. A cláusula 7.ª c) do Contrato celebrado “Compete à representada do segundo outorgante fornecer a plataforma de gestão e APP (sistema de gestão centralizada – centro de controlo), em conformidade com as especificações técnicas, constantes do anexo 1 do Caderno de Encargos, o qual no seu ponto 3.1. obriga ao fornecimento e instalação de software, plataforma web, APP Androide/IOS parametrização e colocação ao serviço (€/Ano). E no N.º 2 da mesma cláusula afirma-se que “A título acessório, a representada do segundo outorgante obriga-se a recorrer a todos os meios humanos, materiais e informáticos que sejam necessários e adequados ao fornecimento dos bens objeto do presente contrato, bem como ao estabelecimento do sistema de organização necessário à perfeita e completa execução das tarefas a seu cargo”.

Ora, face ao contrato e ao respetivo Caderno de Encargos a total responsabilidade é da Sociedade EVCE, competindo à Câmara e em particular ao Gestor do Contrato

nomeado, o seu cumprimento. E quanto ao cumprimento do contrato, a cláusula 9.ª preconiza “uma pena pecuniária até ao limite de 3% do contrato”, podendo ser pedida, por força do mesmo, uma indemnização por dano.

O vereador socialista, Alcides Alves lamenta "que nem a empresa cumpriu com o contrato, nem a Câmara a obrigou a cumprir, como era sua obrigação". E de quem foi o prejuízo?" Foi dos munícipes que pagaram um serviço e não têm tido direito a ele.

Não se entendia a demora, pois a empresa tinha que já ter todo o processo de homologação constituído e isso deveria ter sido acautelado aquando da adjudicação. A ser suportada pelas infraestruturas tecnológicas da Câmara, as mesmas já deveriam ter sido criadas, previamente, com todas as condições para a instalação e execução da aplicação.

Acontece que o OvarNews descobriu que a parte da responsabilidade da Sociedade EVCE não teve problema, o atraso ficou alegadamente a dever-se à parte dos automatismos das bicicletas cuja responsabilidade é de uma empresa parceira do Porto.

Se está tudo operacional ou não, vamos descobrir tudo no dia 25 de Julho próximo, Dia do Município.

 

https://www.ovarnews.pt/ortugal-2020-aprova-financiamento-do-ovar-bikesharing/
https://www.ovarnews.pt/sistema-bikesharing-de-ovar-aponta-ao-dia-do-municipio/
Doentes renais podem contornar os excessos alimentares nas férias - Por Dra. Cristina Antunes
As férias são frequentemente sinónimo de calor, refeições fora de casa e mais tempo livre para a família e amigos. Nestes momentos de maior convívio facilmente aumentamos o nosso consumo de alimentos, podendo levar a alguns excessos alimentares. Estes excessos alimentares podem implicar um aumento da quantidade de alimentos ingerida e também a opção por alternativas menos saudáveis.

Assim, deixamos-lhe algumas sugestões que poderá experimentar de forma a manter uma alimentação saudável e equilibrada:

- Faça uma refeição ligeira antes de sair de casa para controlar melhor a fome quando chegar aos convívios, que por vezes começam a uma hora mais tardia e a sensação de fome pode ser maior.

-  Nas refeições em família ou com amigos onde sabe que terá várias iguarias para experimentar, opte por se servir num prato de sobremesa. É uma forma de reduzir a quantidade de alimentos que coloca no prato e assim evitar os excessos!

- Em substituição de batatas fritas de pacote ricas em sal, experimente preparar num tabuleiro, batatas e cenouras cortadas em palitos e levá-las ao forno até ficarem moles, temperadas com azeite e ervas aromáticas secas.

- Em alternativa aos frutos secos salgados e fritos, opte pelas versões ao natural e sem sal adicionado. Pensando no teor de potássio, 6 nozes equivalem a comer 1 maçã pequena. Pode também consumir um pires de tremoços. De forma a reduzir o teor de sal dos mesmos, experimente passá-los por água corrente e demolhá-los durante alguns minutos.

- Para os dias longos fora de casa, como nas idas à praia, planeie a sua alimentação antes de sair de casa. Leve snacks saudáveis de casa como espetadas de fruta, ovo cozido, wraps com legumes, frango, camarão ou de atum, saladas frias que incluam massa, quinoa, bulgur ou arroz, para além de carne, peixe, ovo ou uma leguminosa, ou até panquecas caseiras.

- Em alternativa aos gelados de leite/nata, ricos em fósforo, opte pelos gelados de gelo ou sorvete, controlando sempre a quantidade de líquidos que vai bebendo ao longo do dia, de forma a evitar o seu excesso no caso de fazer hemodiálise. Experimente fazer os gelados em casa, triturando a sua fruta preferida e juntando umas gotas de limão antes do colocar nas formas apropriadas!

- Lembre-se que a água fresca não tira a sede e as bebidas açucaradas vão provocar-lhe ainda mais sede. Assim, escolha antes água à temperatura ambiente e se gostar, pode adicionar umas gotas de limão para aromatizar a água. A água caseira aromatizada é uma forma de evitar os refrigerantes e sumos embalados, habitualmente ricos em potássio e/ou fósforo.

- Se tiver de adquirir alimentos processados, consulte a lista de ingredientes no rótulo e evite os alimentos que contenham aditivos com as seguintes palavras: “potássio, potássico, fósforo, fosfórico, fosfato”.

- De forma a manter um adequado controlo da sensação de sede e da ingestão de líquidos, evite expor-se demasiado ao calor.

Uma boa alimentação é uma parte importante do seu tratamento. Aproveite as férias mantendo a sua Saúde. Em caso de dúvidas não hesite em contatar o seu nutricionista.

 

Cristina Antunes,

Diretora de Nutrição na Nephrocare Portugal
https://www.ovarnews.pt/?p=82555
A árbitro vareira, Natacha Oliveira, foi  uma da dezena de árbitros da Associação de Futebol de Aveiro foram homenageados na Gala da Associação Portuguesa de Árbitros de Futebol (APAF), que se realizou no Casino da Figueira da Foz e distinguiu os juízes melhor classificados na época anterior em todas as associações do país.

Ler artigo in AFA.
https://www.ovarnews.pt/arbitra-vareira-distinguida-gala-da-associacao-portuguesa-de-arbitros-de-futebol/
Válega: Qualileite mostra o que está para lá das prateleiras dos supermercados
A Qualileite proporcionou um dia muito especial ao abrir as suas instalações para receber os utentes da Fundação Pe. Manuel Pereira Pinho e Irmã, de Válega.

A oportunidade foi aproveitada por crianças e idosos para interagirem com as vacas e ficar a conhecer a sua rotina.

"É muito bom as nossas crianças, terem a oportunidade de contactar com os animais assim tão de perto", diz nota da Fundação. "Vimos as vacas pequeninas e grandes, conseguimos ver a tirar leite, andámos de trator, foi muito divertido."

"Obrigada à empresa Qualileite Unipessoal Lda, por nos ter acolhido tão bem e nos terem proporcionando este dia fantástico dando-lhes a conhecer o que está por detrás do leite que encontram nas prateleiras dos supermercados", conclui.

Com o intuito de criar sinergias e unir esforços, o António e a Isabel, o casal proprietário da empresa, além da produção de leite, leva o nome da freguesia ao pódio em várias exposições e concursos de Raça Holstein Frísia.

Para este dia aberto, convidaram autarcas do concelho e o presidente da Proleite, Eng. Vitor Santos, para brindar ao leite, relembrando "os desafios e exigências que o setor atravessa".

A Qualileite Unipessoal Lda, fica no centro de Válega e dedica-se à criação de bovinos para produção de leite dentro das mais rígidas normas de segurança.
https://www.ovarnews.pt/valega-qualileite-mostra-o-que-esta-para-la-das-prateleiras-dos-supermercados/
Dupla que explorava prostituição em bar de alterne em Esmoriz condenada a penas de prisão suspensas
Dois homens, de 27 e 57 anos, que exploraram um bar de alterne em Esmoriz, Ovar, foram condenados por crime de lenocício a penas de prisão, que ficaram suspensas. O mais novo, de nacionalidade brasileira, está detido à ordem de outros processos. A dupla vai ter, todavia, de pagar ao Estado, ao todo, 5.100 euros.

Ler artigo completo in noticias de aveiro.
https://www.ovarnews.pt/dupla-que-explorava-prostituicao-em-bar-de-alterne-em-esmoriz-condenada-a-penas-de-prisao-suspensas/

segunda-feira, julho 15, 2024

 

A ministra do Ambiente anunciou a aprovação de 2,5 mil milhões de euros para a defesa da costa na Praia do Furadouro, concelho de Ovar. O assunto foi levado à Comissão de Ambiente e Energia, dando conta da preocupação sentida pela população e autarcas locais, reafirmada na primeira visita dos deputados do PSD eleitos por Aveiro na presente legislatura.

“Reafirmo o que disse muitas vezes em diferentes legislaturas. Seja qual for o governo, vou continuar a intervir e a recordar constantemente que temos que atuar e inovar a nossa abordagem sobre esta matéria. Temos de ir mais longe, fazer diferente, procurando o que de melhor se faz no mundo para fazer face a este tipo de problema” – vincou Paulo Cavaleiro numa audição à ministra.

Na resposta, a governante referiu os 56 milhões de euros para o litoral inscritos no Programa Operacional Sustentável e revelou já ter sido aprovada a reabilitação e o reforço das infraestruturas longitudinais dos esporões da Praia do Furadouro com 2,5 mil milhões.

Paulo Cavaleiro levou à comissão a preocupação sentida em Ovar, patente em reunião mantida com o presidente da Câmara local, na primeira iniciativa de contacto com a população da legislatura. O deputado aveirense recordou, na ocasião, ter feito várias intervenções sobre esta matéria no Parlamento, tendo acompanhado o antigo ministro Jorge Moreira da Silva e o presidente da Câmara de então, Salvador Malheiro, para vincar: “depois da intervenção executada por esse governo, nada mais aconteceu”.

“A erosão costeira é um dos principais problemas do nosso distrito, designadamente nos municípios de Ovar e de Vagos. No caso de Ovar, sabemos que o governo anterior não levou a cabo qualquer intervenção nesta matéria e teve oito anos para o fazer” – concluiu Paulo Cavaleiro, dando nota de ter podido verificar, na recente visita, o rombo na estrutura aderente da proteção da praia do Furadouro.

A outro nível, o parlamentar social democrata defendeu o modelo de gestão implementado na Ria de Aveiro através do programa Polis, afirmando ter sido um “caso de sucesso na cogestão, já que os municípios, em conjunto com a APA e ICNF aplicaram um modelo de gestão eficaz e eficiente”.

Paulo Cavaleiro assegurou, na sua intervenção, que os municípios da Ria de Aveiro estão prontos para receber competências nesta matéria, questionando a ministra sobre se podem os autarcas, designadamente a CIRA (Comunidade Intermunicipal da Região de Aveiro), contar com a nova versão do programa Polis, com que modelo de gestão e com que apoio financeiro.

A ministra revelou ter mantido reunião com o presidente da Câmara de Aveiro, que expôs os planos para continuar com este modelo do Polis, que admitiu ter funcionado “muito bem”, pelo que disse não ter “nada a opor”, embora referindo a necessidade de, em conjunto com o Ministério das Finanças, encontrar-se um sistema que viabilize a pretensão. Quanto ao financiamento, referiu o Plano de Ordenamento Sustentável, o Plano de Ordenamento Regional e o Fundo Ambiental.

 
https://www.ovarnews.pt/psd-paulo-cavaleiro-alerta-para-o-problema-da-erosao-costeira-no-distrito/
Maurício Júnior assina pela Ovarense
Maurício Júnior está confirmado na Ovarense após várias épocas no Beira-Mar

Há mais de 10 anos em Portugal, o médio brasileiro, de 31 anos, tornou-se figura maior da equipa de Aveiro no distrital ligo na primeira época ao serviço do Beira-Mar.

Já tinha passado por Tourizense, Vitória, Gafanha, Vizela, Loures, Cesarense, Anadia e São João de Ver.

É conhecido pelo ritmo imposto e pela energia com que contagia a equipa apesar da baixa estatura.

 
https://www.ovarnews.pt/?p=82535
Manhã marcada por carros a arder
Esta manhã, os automobilistas que circulavam naA29 foram surpreendidos com uma viatura ligeira a arder a seguir ao nó de Espinho, no sentido norte/sul.

Em Ovar, um ligeiro também pegou fogo na rua Mártires da República.
https://www.ovarnews.pt/manha-marcada-por-carros-a-arder/
Helicóptero Koala resgata homem de 58 anos a partir de Ovar
Na véspera do Dia Aberto, a Força Aérea resgatou um homem de 58 anos após uma queda de uma falésia na Praia da Grota, em Alcabideche.

Com o pé fraturado, o homem encontrava-se numa zona inacessível por meios de socorro terrestres, sendo para tal ativado o meio da Força Aérea.

Para a missão foi ativado o helicóptero ligeiro AW119 Koala, em destacamento permanente na Base Aérea N.º 8, em Maceda, que se preparava para o 'open day'.

Após ter sido resgatado, o homem foi deixado no topo da falésia, sendo encaminhado para uma ambulância e entregue aos cuidados dos bombeiros locais.
https://www.ovarnews.pt/helicoptero-koala-resgata-homem-de-58-anos-a-partir-de-ovar/

domingo, julho 14, 2024

O bom sabor dos velhos tempos na Liga masculina: O Queluz, de regresso ao principal campeonato do basquetebol português, recebe a Ovarense na primeira jornada, a 5 de outubro.

Será, pois, a reedição de um clássico da modalidade em Portugal que conheceu um momento em 2005, quando a equipa de Sintra bateu a Ovarense e venceu a Liga de Basquetebol, 21 anos depois do primeiro título.

Pela segunda vez no seu historial, ao vencer a Ovarense por 58-63, em Ovar, no terceiro jogo da final dos play-off da Liga, o Queluz finalizou a eliminatória final com um concludente 3-0 e completou uma época de alto nível, depois de já ter dominado a fase regular do campeonato e de ter conquistado a Taça de Portugal.

Hoje, a história é outra.
https://www.ovarnews.pt/ovarense-abre-liga-com-o-sabor-de-outros-tempos/
Arada: Encontro coletividades entra no terceiro e último dia
A população de Arada e arredores vive intensamente o seu bairrismo, com sã rivalidade e festa quanto baste.

Este domingo vive o terceiro e último dia de um fim de semana cheio de alegria e entretenimento no 21.º Encontro de Coletividades de Arada no Largo da Nossa Senhora do Desterro.

Numa organização da UFO, a receita é a nesma infalível, com música, animação, ambiente de convívio e desporto:

⚽ Futsal

🏐 Voleibol

🎲 Jogos tradicionais

🏟️ Matrecos

♣️ Sueca

 
https://www.ovarnews.pt/arada-encontro-coletividades-entra-no-terceiro-e-ultimo-dia/
Um homem de 80 anos morreu no sábado na sequência de uma queimada num terreno de que era proprietário que evoluiu para incêndio, tendo os bombeiros só descoberto o corpo depois de controladas as chamas, informou a GNR.
https://www.ovarnews.pt/idoso-de-80-anos-morre-em-queimada-em-ovar/

sábado, julho 13, 2024

Furadouro: Casa manguitos e língua de fora 
É um museu? Uma loja de souvenirs? Um pequeno parque de diversões?

A dúvida instala-se nos primeiros instantes de quem passa frente à moradia da família Soares. Um olhar mais demorado faz perceber que se trata de uma casa privada de alguém com um particular sentido de humor que se quis diferenciar de toda a vizinhança.

No terraço, uma família de estátuas cumprimenta com manguitos e línguas de fora quem passa na rua: pescadores, toureiros, varinas e até o Santo André, o santo pescador.

Lá dentro, junto à entrada da casa, dezenas de painéis evocativos do Sporting. No portão da garagem, pintado em traço naif, um painel com as figuras típicas da região, onde não falta o cão "tatu", o rafeiro do artista da casa.

Jean, um menino de 8 anos luso-descendente, posa em frente ao portão. "Je veux un photo." A avó Maria da Luz faz-lhe a vontade. "É fixe. É típico. É original e diferente", comenta esta família que vive nos arredores de França. Batemos à porta para conhecer o artista desta obra. Ninguém atendeu.

Mas não nos damos por vencidos. Um pouco de investigação e descobrimos é o casal Soares o dono da casa da bonecada.

O senhor Manuel Soares e Lucina Leal, ambos acima dos 80 anos, são amiúde abordados para saber a história daquelas vistosas criações. Cada história tem o seu princípio e a casa não foge à regra.

O casal é natural de Santa Maria da Feira. Manuel foi trolha e ela gaspeadeira de sapatos (ponteava e pregava a parte superior e dianteira dos sapatos em fábricas de calçado).

Viveram sempre 'descalços' e admiravam a vida dura dos pescadores. A adoração pelos vareiros (habitantes de Ovar) levou Lucina a perguntar ao marido: 'ó Nel, tu que és tão jeitoso de mãos e fazes tantas coisinhas, porque não me fazes uma vareira aqui para casa?'." E Manuel construiu a primeira estatueta em cimento e argamassa de uma vareira da região a carregar peixe. Foi há quase 30 anos. A primeira de uma grande família.

O Nel faz estas brincadeiras para se entreter, para animar a malta que passa e atrair mais pessoas para a região, que tem tanta coisa bonita.

E de vez em quando põe-se ao largo a apreciar as reações. Há quem passe, goste e até tire fotos. Outros passam e acham uma macacada, fazem pouco daquilo. Não se rala - "enquanto puder mexer-me, vou fazer estes bonecos", diz este sportinguista dos sete costados.

Os bonecos estão por todo o lado e Lucina Amando sempre toda raspada de dar cotoveladas sem querer naquelas estátuas, quando ando pela casa. O marido não a deixa vender nada.

Bem, um dia conseguiu fazer bom dinheiro com um marco do correio com cara de carteiro que lhe quiseram comprar. O Nél viu e fez logo outro igual.

O Furadouro é também a praia da casa das estátuas. Obrigado, família Soares!
https://www.ovarnews.pt/furadouro-casa-manguitos-e-lingua-de-fora/
Este é o Cruzeiro da Ria número 60
A NADO – Náutica Desportiva Ovarense organiza, em parceria com o Sporting Clube de Aveiro e a Associação Náutica da Torreira, o 60.º Cruzeiro da Ria, nos dias 17 e 18 de Agosto.

A festa da Ria conta, normalmente, com mais de 70 barcos a competir nas diferentes classes de vela.

Está, assim, marcada e anunciada uma das principais provas na Ria de Aveiro, que se estende por dois dias de regatas em linha, entre Ovar e Aveiro, num total de 32 milhas, abertas a todas as embarcações (optimist, vela ligeira e pequenos cruzeiros com quilha móvel).

No sábado, primeiro dia de prova, faz-se a ligação entre o Carregal e São Jacinto e no Domingo o percurso inverso de regresso a Ovar.

Antes de tudo, na sexta-feira, dá-se a chegada e o processo de inscrição de participantes.

A prova fica, todavia, marcada pelas dificuldades impostas pelo assoreamento cuja última intervenção não resolveu.

Os clubes náuticas organizadores da clássica prova consideram que a recente obra de desassoreamento da Ria de Aveiro, cuja empreitada, tutelada pela Polis Litoral Ria de Aveiro, ultrapassou os 23 milhões de euros, mas que excluiu a dragagem de portos de abrigo e ancoradouros da pesca e da náutica de recreio, foi uma oportunidade perdida, que carece, por consequência, de um complemento que resolva um problema cuja solução há décadas vem sendo adiada.

"A Ria de Aveiro é um território com fortíssimo impacto na economia regional e um elemento chave na promoção turística do Centro de Portugal, sendo a pesca e a náutica de recreio dois dos principais setores promotores de riqueza e bem-estar nos concelhos ribeirinhos, deles dependendo centenas de famílias que, direta ou indiretamente, se relacionam com aquelas atividades".

Os clubes apelaram, recentemente, ao Governo e à sua política e sentido de coesão territorial para que este "problema, crescentemente preocupante e observado em todo o território lagunar, possa merecer uma tomada de decisão urgente e que, tal como em relação ao Algarve, possa ser objeto de uma intervenção permanente das autoridades, de forma a garantir e a salvaguardar a segurança de embarcações e tripulantes, tanto da pesca profissional como do desporto náutico".

 

 
https://www.ovarnews.pt/?p=64510
O atual presidente da Federação Distrital de Aveiro do Partido Socialista, Jorge Sequeira, recandidata-se ao cargo, sob o lema “por Aveiro, pelo distrito inteiro”, renovando o compromisso assumido nos anteriores mandatos. “Assumo-o

como imperativo de militância e dever cívico. Faço-o com a convicção de poder continuar a contribuir para uma Federação coesa e ousada”, refere.

Envolver todos os militantes na reflexão sobre o futuro e na construção de soluções que promovam a democracia interna, contribuindo para escolhas competentes e vencedoras nos próximos desafios é um dos objetivos desta candidatura, que também apostará no rejuvenescimento do partido. “Sem os jovens não há futuro e só conquistaremos a juventude se lhe apresentarmos um partido com projetos, competência, seriedade e ambição”, frisa Jorge Sequeira.

Vários apoios à recandidatura do atual líder já foram tornados públicos e

salientam a inteligência, capacidade de trabalho, integridade e seriedade de Jorge Sequeira, bem como o seu caráter empático e humilde.

Todos os presidentes de Câmara eleitos pelo PS no distrito apoiam Jorge Sequeira, que “tem servido o Partido Socialista com verdadeiro espírito de missão”, como defende Joaquim Jorge, autarca de Oliveira de Azeméis, declarando o seu apoio inequívoco.

Também os deputados à Assembleia da República, Cláudia Cruz Oliveira e

Filipe Neto Brandão, já declararam o seu apoio. “O Jorge Sequeira fez uma pausa na sua vida profissional muito bem sucedida para abraçar um projeto de serviço à comunidade em que trata cada pessoa pelo seu nome”, destaca a deputada socialista, completando que “a política precisa de mais pessoas como o Jorge. E o nosso distrito, para ser inteiro, também”.

Sublinhando a “probidade, solidez

doutrinária e empatia” e o desempenho de Jorge Sequeira, Filipe Neto Brandão faz questão de frisar que apoia “desde a primeira hora” esta recandidatura.

Entre os apoios à recandidatura do atual líder federativo estão também o do Presidente do Gabinete de Estudos da Federação, Jesus Vidinha, do líder da Federação Distrital da Juventude Socialista, João Costa, dos presidentes das concelhias de São João da Madeira, Aveiro, Oliveira de Azeméis, Mealhada, Albergaria-a-Velha e Oliveira do Bairro, e de destacados militantes como Porfírio

Silva e Alberto Souto.

“Apoio, sem reservas, o ilustre camarada e prestigiado Presidente da

Câmara, Jorge Sequeira”, declara igualmente Armando França.

Além de presidente da Câmara de São João da Madeira, Jorge Sequeira é

vice-presidente da Área Metropolitana do Porto e membro do Conselho da Europa, o que demonstra o respeito que lhe é merecido pelos seus pares, para além da sua capacidade de trabalho e dedicação à causa pública.

A apresentação da candidatura “por Aveiro, pelo distrito inteiro” decorrerá no próximo dia 20 de julho, pelas 18h, na sede do distrito. Esta é a última vez que Jorge Sequeira se pode candidatar ao cargo de Presidente da Federação.
https://www.ovarnews.pt/jorge-sequeira-recandidata-se-a-lideranca-da-federacao-distrital-de-aveiro-do-ps/

sexta-feira, julho 12, 2024

A Câmara Municipal de Ovar adjudicou, por ajuste direto, a "Elaboração do Projeto de Arquitetura de Requalificação do Espaço Público - Entrada Principal do Parque Urbano - Ovar".

A aquisição de serviços a um gabinete de arquitetura da cidade data de 26 de junho e não adianta mais pormenores. Aliás, instada, por email, a esclarecer o assunto, a Câmara Municipal de Ovar também não nos deu qualquer resposta.

Mas vale a pena recordar o que disse ao OvarNews, o vereador Alexandre Rosas, em abril de 2017: O imóvel “deve ter um futuro muito virado para as artes, com pendor sobre o cinema e as novas tecnologias, complementado com a eventual criação de um posto avançado de turismo para a receção dos grupos de turistas que quando chegam a Ovar podem ser ali preparados para o que vão visitar no concelho”.

https://www.ovarnews.pt/futuro-do-cine-teatro-devera-honrar-o-seu-passado/

Depois, “pode ter um espaço verde na continuidade do que é o Parque Urbano”. "Não será bem uma porta de entrada, mas um espaço digno na continuidade do espaço verde”, uma área aprazível de acesso ao cine-teatro. Estava posta de lado a possibilidade de ali vir a ser instalado o Museu do Carnaval.

A fazer fé nestas palavras plasmadas numa peça denominada "Futuro do cine-teatro deverá honrar o seu passado", a solução agora desvendada poderá ser apenas parte de um projeto mais amplo para aquela peça arquitetónica com tamanha história.

O projeto encomendado (que, diga-se, não sabemos se vai ser implementado ou não) é que vai desenhar a possibilidade de criação de um acesso ao Parque Urbano por ali.

Mesmo sem certezas, o único partido com representação municipal a reagir foi o Movimento 2030 que através do ator e encenador Pedro Damião, defende que "o antigo Cine Teatro deveria ser requalificado para ser a sede do Turismo Municipal, sendo este o primeiro passo para fazer a reforma do turismo no município de Ovar".

E tem definida a ideia para um aproveitamento que desse dignidade ao imóvel e ao espaço cidade: "No exterior, do lado nascente, uma nova praça faria a ligação entre o adro da igreja Matriz e o Parque Urbano, sendo a entrada do mesmo". O edificado do lado poente manter-se-ia, conservando o "património sentimental e histórico do Cine Teatro".

No cine-teatro ficariam todos os serviços administrativos do Turismo. A “loja do turismo” manteria exatamente a traça da entrada, incluindo o balcão, o bengaleiro, as bilheteiras e as decorações do espaço tal compêndio concebido em 1944. Pretendemos manter esta parte da história intacta e preservada".
https://www.ovarnews.pt/sera-uma-entrada-principal-do-parque-urbano-o-destino-final-do-cine-teatro-de-ovar/
Mineola participa no centenário dos Bombeiros de Estarreja
Mineola é uma vila do Estado de Nova Iorque, Estados Unidos da América, que vai ficar ainda mais próxima de Estarreja.

Ali reside uma expressiva comunidade portuguesa com fortes ligações à terra de origem e o seu presidente é natural de Veiros.

O Compromisso de Geminação com Estarreja foi formalizado esta sexta-feira, no Edifício dos Paços do Concelho, pelo presidente da Câmara Municipal de Estarreja, Diamantino Sabina, e pelo Mayor de Mineola, Paulo Pereira.

Acompanhado por representantes dos Bombeiros Voluntários de Mineola, Paulo Pereira está numa visita oficial a Estarreja, tendo já visitado o Quartel dos Bombeiros Voluntários e o novo Campo de Treinos inaugurado em maio. Sendo natural de Veiros, havia manifestado, o ano passado, a vontade de concretizar uma união formal de Mineola a Estarreja, durante a deslocação do autarca estarrejense aos EUA no âmbito de um protocolo de cooperação entre os Bombeiros Voluntários de Estarreja e os Bombeiros Voluntários de Mineola.

Existe uma forte ligação entre as duas comunidades, e mantém-se vivo o interesse dos residentes de Mineola pela sua terra de origem, sendo disso exemplo as dezenas de associações e comunidades portuguesas e lusófonas ali implementadas.

O compromisso que as duas autarquias vão assinar tem por base os seguintes pressupostos: desenvolver um conhecimento mais estreito dos valores culturais, etnográficos, ambientais e sociais de cada um dos territórios; aprofundar e consolidar os laços de amizade e cooperação, promovendo o desenvolvimento da cooperação económica, turística e educacional; promover intercâmbios periódicos ao nível empresarial, do comércio, do turismo, da saúde, da proteção civil, da saúde, e das economias criativas e do conhecimento; manter a ligação com a diáspora portuguesa, enraizada e residente em Mineola mas com laços ou ascendência a Estarreja.

Mineola, com cerca de 21 mil habitantes, dos quais 15% são portugueses, tem a comunidade com mais portugueses per capita no Estado de Nova Iorque.

A comitiva de Mineola chegou ontem a Estarreja para ficar a conhecer o novo campo de formação dos BVE e participar nas cerimónias comemorativas do 100.º Aniversário dos Bombeiros Voluntários de Estarreja, que decorrerão amanhã, sábado, dia 13, nomeadamente na sessão solene agendada para as 10h, no Quartel Antigo, culminando com o Desfile Distrital.
https://www.ovarnews.pt/mineola-no-centenarios-dos-bombeiros-estarreja/
Rei da Viagem Medieval visitou pediatria do IPO | Ator Pedro Laginha vestiu a pele de D. Duarte e armou cavaleiros
Crianças e jovens em seguimento no Serviço de Pediatria do IPO do Porto foram armados “Cavaleiros da Ordem da Bravura de Portugal” pelo rei da Viagem Medieval em Terra de Santa Maria. Trajado a rigor, o ator Pedro Laginha, que dá corpo a D. Duarte na 27ª edição do evento, enalteceu e reconheceu a bravura destes guerreiros nas suas batalhas pessoais.

Duarte visitou as salas da consulta externa e do internamento, decoradas a preceito pela equipa educativa da Pediatria, propositadamente para este encontro. À sua espera, estavam cerca de 20 meninos e meninas de várias idades, felizes e expectantes por envergar a capa de cavaleiros e ver reconhecida a sua bravura pela espada do "Eloquente". No final, confidenciaram sentir-se verdadeiramente especiais por privarem com D. Duarte num cenário medieval, esquecendo por momentos a dureza das batalhas que os próprios estão a travar.

Depois de despir a capa de D. Duarte, o ator Pedro Laginha mostrou-se sensibilizado com o carinho das crianças e não escondeu o conforto que sentiu por poder proporcionar-lhes um momento diferente, alegre e simbólico, que alimentou o imaginário de quem sonha com grandes vitórias como as dos verdadeiros guerreiros de capa e espada.

“Eles são, de facto, guerreiros e merecem todo o reconhecimento pela sua bravura. Mas os pais também são heróis nesta história, pois sem uma estrutura familiar forte tudo se torna mais difícil”, sublinhou na despedida, homenageando os familiares dos utentes.

Realizada a 11 de julho, esta iniciativa deu continuidade ao projeto colaborativo iniciado pelo Município de Santa Maria da Feira e empresa municipal Feira Viva com o IPO do Porto, em outubro de 2023, no âmbito de Perlim – Parque Temático de Natal.

Sendo a Viagem Medieval um evento que evoca a história, a bravura e a resiliência do povo português, e dedica particular atenção ao público infantil e às famílias, as entidades parceiras prosseguem a sua missão de envolver e proporcionar momentos de partilha com as diferentes comunidades, promovendo e enaltecendo o trabalho desenvolvido por instituições locais e regionais que se dedicam a causas maiores. A próxima paragem desta viagem será no Hospital de S. Sebastião, em Santa Maria da Feira.

Recorde-se que, de 31 de julho a 11 de agosto, o centro histórico de Santa Maria da Feira será palco da XXVII Viagem Medieval em Terra de Santa Maria, evento de recriação histórica organizado pela Câmara Municipal de Santa Maria da Feira, Feira Viva e a Federação das Coletividades de Cultura e Recreio do Concelho. Uma edição centrada no reinado de D. Duarte, que tem como mote “Uma Nova Era para Portugal”.

 

 

 

 
https://www.ovarnews.pt/rei-da-viagem-medieval-visitou-pediatria-do-ipo-ator-pedro-laginha-vestiu-a-pele-de-d-duarte-e-armou-cavaleiros/
Mais uma queda nos "mecos" do centro
Uma mulher, com cerca de 60 anos, sofreu ferimentos graves, na sequência de mais uma queda nos famigerados "vesúvios", junto ao chafariz do Neptuno.

A vítima tropeçou, cerca das 12 horas, nestes elementos do mobiliário urbano do centro histórico vareiro.

A mulher caíu desamparada, perdendo os sentidos, e foi socorrida no local por populares, por apresentar ferimentos visíveis na cabeça e nas pernas, tendo de ser transportada para o Hospital de Santa Maria da Feira pelo INEM.

A PSP de Ovar esteve no local e tomou contacda ocorrência.
https://www.ovarnews.pt/mais-uma-queda-nos-mecos-do-centro/
Depois do fracasso da Seleção das Quinas no Euro 2024, os adeptos portugueses ainda poderão entusiasmar-se com os atletas portugueses nos Jogos Olímpicos de Paris, neste verão.

O país tem evoluído nas diferentes modalidades olímpicos nas últimas décadas, ao ponto de esperar conquistar algumas medalhas em Paris. Saiba que atletas e em que modalidades Portugal tem mais hipóteses.

Não hesite também em consultar as melhores previsões para apostar nos Jogos Olímpicos do Sportytrader, site especializado em prognósticos desportivos, que pode ser bastante útil para preparar estes Jogos Olímpicos da melhor forma.

Grandes nomes do atletismo português estarão ausentes, por diversas razões, como são os casos de Patrícia Mamona, Auriol Dongmo ou de Telma Monteiro. Ainda assim, Portugal contara com outras figuras importantes.

Pedro Pichardo - Triplo Salto

O campeão olímpico, Pedro Pichardo, vai defender o título conquistado no Tóquio 2020, na modalidade de triplo salto. O atleta de orgiem cubana é uma das maiores esperanças de Portugal para os Jogos Olímpicos de Paris.

Fernando Pimenta - Canoagem

Fernando Pimenta é um dos atletas mais experientes e bem-sucedidos da canoagem portuguesa. Com várias medalhas em campeonatos mundiais e europeus, Pimenta já conquistou uma medalha de prata nos Jogos Olímpicos de Londres 2012 e uma de bronze em Tóquio 2020.

João Vieira - Marcha Atlética

João Vieira é outro atleta veterano que pode surpreender em Paris 2024. Especialista na marcha atlética, Vieira conquistou a medalha de prata nos 50 km marcha no Campeonato do Mundo de Atletismo de 2019, demonstrando que ainda tem muito a oferecer ao mais alto nível. Foi 5.º no Tóquio 2020, na prova de 50 quilómetros.

Gustavo Ribeiro - Skateboarding

Gustavo Ribeiro é uma das grandes promessas do skateboarding português. Tendo alcançado bons resultados em competições internacionais, incluindo pódios em etapas da Street League Skateboarding, Ribeiro tem mostrado que pode competir ao mais alto nível.

É apontado pelos especialistas da modalidade como um forte candidato a uma medalha em Paris 2024, especialmente na modalidade street.
https://www.ovarnews.pt/as-hipoteses-de-portugal-ganhar-medalhas-nos-jogos-olimpicos-2024/
Esmoriz: Bombeiros recebem 14 viaturas para combater fogos florestais
O presidente da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC), Duarte da Costa, e a Diretora Nacional de Bombeiros, Susana Silva, estiveram em Esmoriz, esta quinta-feira, para entregar 14 veículos de combate a incêndios florestais a corporações de bombeiros, no âmbito do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR).

Fundão, Oleiros, Penamacor, São Bartolomeu de Messines, Gonçalo, Mogadouro, Torre de Moncorvo, Monchique, Mação, Boticas, Ribeira de Pena, Vieira do Minho, Vila Franca das Naves e Terras do Bouro foram as corporações selecionadas presentes na sessão que decorreu nas instalações da empresa Jacinto.

A ANEPC explica que “os nove veículos florestais de combate a incêndios (VFCI) e os quatro veículos tanque táticos florestais (VTTF) foram adquiridos ao abrigo do programa “Mais Floresta – Reforma do Sistema de Prevenção e Combate de Incêndios”, que integra a Componente 08 – Florestas do PRR".

Este é o terceiro lote de veículos entregues, tendo o primeiro e segundo lotes de viaturas sido entregues em maio e junho deste ano.

A terminar, a publicação refere “que esta medida inscrita no PRR vai permitir, até ao final do ano, distribuir um total de 81 veículos, no montante de mais de 14 milhões de euros”.
https://www.ovarnews.pt/?p=82424
Mercadona já tem data para abrir em Oliveira de Azeméis
Com a abertura do supermercado Mercadona de Oliveira de Azeméis, a empresa contará, a partir desse dia, com nove supermercados no distrito de Aveiro, ficando agora ainda mais perto dos “Chefes” (clientes).

A inauguração acontece no dia 8 de Agosto, pelas 9h, na Rua 12 de Dezembro, nº 40.

Este novo supermercado vai gerar cerca de 75 novos postos de trabalho, estáveis e de qualidade, com contratos sem termo desde o primeiro dia, contribuindo assim para a criação de emprego local.

A loja, terá uma área de vendas de cerca de 1.900 m2, com corredores amplos, que permitem fazer compras de forma confortável, divididos entre as secções de Charcutaria, Peixaria, Pastelaria e Padaria, Perfumaria, Talho, Frutas e Legumes e Pronto a Comer.

A abertura deste supermercado reflete, também, a continuidade do plano de expansão da Mercadona em Portugal.

MERCADONA ASSINALA CINCO ANOS EM PORTUGAL E INVESTIMENTO DE 1.000 MILHÕES DE EUROS

- Investimento da empresa até ao momento permitiu abrir 50 lojas, 2 blocos logísticos e dar emprego a 6.000 pessoas.

- Neste período, a Mercadona comprou mais de 3.000 milhões de euros a fornecedores portugueses.

- A Mercadona registou vendas de 2.770 milhões de euros desde a abertura da primeira loja e entregou 370 milhões de euros em impostos ao Estado português.

 A Mercadona, empresa de supermercados, assinala esta terça-feira os primeiros cinco anos desde a abertura da sua primeira loja em Portugal. Foi em Vila Nova de Gaia, na freguesia de Canidelo, que a 2 de julho de 2019 a empresa deu início à sua expansão no país, tendo aberto posteriormente, nesse mesmo ano, mais 9 lojas nos distritos do Porto, Aveiro e Braga.

Desde esse ano, investiu um total de mil milhões de euros em Portugal, que permitiram abrir, até à data, 50 lojas, que acumulam vendas superiores a 2.770 milhões de euros, e dois Blocos Logísticos - um na Póvoa de Varzim e outro em Almeirim, que ficará operacional ainda este ano - representando este último um investimento de mais de 250 milhões de euros. No que respeita a emprego, ao longo desta meia década, a Mercadona gerou 6.000 novos empregos, estáveis e de qualidade, todos com um contrato efetivo desde o primeiro dia.

Foi em 2016 que a Mercadona, empresa líder no setor da distribuição em Espanha, comunicou que iria dar início ao seu primeiro projeto de internacionalização, em Portugal, tendo para o efeito criado a empresa portuguesa Irmãdona Supermercados, com sede em Vila Nova de Gaia. Nesse mesmo ano contratou os seus primeiros colaboradores portugueses e, em 2017, abriu o seu primeiro Centro de Coinovação em Matosinhos, para adaptar a sua oferta aos hábitos e preferências do consumidor português.

Dois anos mais tarde, em 2019, com a abertura da loja de Vila Nova de Gaia, a Mercadona já tinha 1.000 produtos novos apenas para o mercado português, prova de que a empresa aposta em oferecer um sortido de produtos eficaz, com uma grande preocupação em garantir a máxima qualidade.

Depois da abertura de várias lojas na região Norte, 2022 ficou marcado pela abertura das primeiras lojas na área metropolitana de Lisboa, em Setúbal e Oeiras.

O projeto de internacionalização em Portugal permitiu à Mercadona conhecer novos produtores nacionais e integrá-los no seu leque de fornecedores, algo que vai sendo incrementado à medida que o projeto vai avançando. Outro aspeto a sublinhar é o intercambio entre Portugal e Espanha que possibilitou o conhecimento de produtos nacionais a consumidores espanhóis como o exemplo de pão, pastelaria, queijos, vinhos, entre outros produtos portugueses. Este compromisso da empresa com os fornecedores portugueses reflete-se nos mais de 3.000 milhões de euros em compras a fornecedores nacionais desde 2019.

Sob a premissa de “Partilhar com a Sociedade parte do que dela recebe”, o trajeto da Mercadona também se tem feito através da aplicação de um Plano de Ação Social, onde se incluem as doações alimentares. Neste âmbito, todas as lojas de Portugal têm uma parceria com uma instituição local, que desde o dia de abertura da loja recebe diariamente bens de primeira necessidade. Nos últimos cinco anos, a Mercadona já doou cerca de 5.500 toneladas de alimentos a instituições nacionais e locais, nas diferentes regiões onde está presente.

“A Mercadona tem avançado e aprendido muito com a entrada no mercado português, altamente competitivo. Hoje orgulhamo-nos de poder dizer que o esforço que fazemos para nos adaptarmos ao país se reflete na vontade das pessoas em ter os nossos supermercados perto, mas ainda há muito por fazer para nos tornarmos na empresa portuguesa que queremos ser em Portugal. Estes 5 anos revelaram-se um bom começo e hoje assinalamos a motivação para continuar a construir um projeto de crescimento partilhado e sustentável, que gere emprego e riqueza no país, contribuindo para o seu desenvolvimento económico.”, afirma Inês Santos, Diretora de Relações Institucionais da Mercadona em Portugal.

 

 

 

 

“Cinco anos, um bom começo”

Sob o mote “Cinco anos, um bom começo”, a Mercadona assinala este aniversário e celebra momentos marcantes do projeto da empresa em Portugal, contando histórias dos seus colaboradores que tenham acontecido em paralelo com o desenvolvimento da empresa no país.

O nascimento de um filho, uma relação que começou num supermercado, novos desafios na progressão de carreira, são exemplos destes marcos que a empresa vai celebrar durante o mês de julho.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Link vídeo: https://www.youtube.com/watch?v=wQHhfzg2BUI

 
https://www.ovarnews.pt/?p=82420

quinta-feira, julho 11, 2024

Produtos para Cuidados com a Pele: A Nova Linha da ReNova Eleva Rotinas Diárias de Skincare
Os produtos para cuidados com a pele desempenham um papel crucial na busca por uma pele saudável e radiante. A ReNova, um nome renomado na indústria de medicina estética, oferece uma gama abrangente de produtos para cuidados com a pele, projetados para atender às diversas necessidades da pele. Com um compromisso com a qualidade e a inovação, a ReNova estabelece um novo padrão em skincare, fornecendo produtos que combinam ciência e natureza para oferecer resultados notáveis.

A Importância de Produtos de Skincare de Qualidade

Produtos de skincare de qualidade são essenciais para manter e melhorar a saúde e a aparência da pele. A ReNova entende a importância de usar ingredientes premium e formulações avançadas para alcançar resultados ótimos. Sua linha de produtos inclui limpadores, séruns, hidratantes e máscaras, cada um projetado para abordar preocupações específicas da pele.

Hidratação e Umidade com Ácido Hialurônico

O ácido hialurônico é um ingrediente fundamental em muitos dos produtos de skincare da ReNova. Conhecido por sua capacidade excepcional de reter umidade, o ácido hialurônico ajuda a manter a pele hidratada, firme e jovem. Os séruns e hidratantes de ácido hialurônico da ReNova são formulados para fornecer hidratação intensa, suavizar linhas finas e melhorar a textura geral da pele.

Uma Gama Abrangente de Soluções para Cuidados com a Pele

A linha de skincare da ReNova oferece uma variedade de produtos para diferentes tipos e preocupações de pele. Seus limpadores removem suavemente as impurezas sem retirar os óleos naturais da pele. Tônicos e séruns, ricos em antioxidantes e vitaminas, ajudam a refinar os poros e melhorar o tom da pele. Hidratantes e máscaras proporcionam nutrição e hidratação profundas, deixando a pele suave e revitalizada.

Compre os Melhores Produtos para Cuidados com a Pele

Comprar produtos para cuidados com a pele na ReNova é uma experiência tranquila. Sua loja online amigável permite que os clientes encontrem e comprem facilmente os itens desejados. Adicionar produtos ao carrinho é simples, e descrições detalhadas ajudam os clientes a fazer escolhas informadas. A dedicação da ReNova à satisfação do cliente é refletida em seu excelente serviço e suporte.

A Ciência por Trás dos Produtos de Skincare da ReNova

Os produtos de skincare da ReNova são respaldados por pesquisas científicas e testes clínicos. Usar ingredientes de alta qualidade, como ácido hialurônico, vitaminas e antioxidantes, garante que cada produto entregue resultados eficazes. Combinando ciência com elementos naturais, a ReNova cria soluções de skincare que realçam a beleza natural da pele.

O Papel dos Séruns no Skincare

Os séruns são um componente chave de uma rotina eficaz de cuidados com a pele. Os séruns da ReNova são formulados com ingredientes potentes para abordar várias questões de pele. Seja para reduzir a aparência de linhas finas, iluminar a tez ou minimizar poros, a ReNova tem um sérum para atender a cada necessidade. Suas fórmulas leves são facilmente absorvidas, entregando ingredientes ativos profundamente na pele.

Alcançando uma Aparência Suave e Radiante

Uma pele suave e radiante é alcançável com os produtos e a rotina certos. A linha de skincare da ReNova inclui máscaras e tratamentos que proporcionam cuidados intensivos para a pele. Os produtos ajudam a esfoliar, desintoxicar e rejuvenescer a pele, resultando em uma aparência mais brilhante e jovem. Usar regularmente os produtos de skincare da ReNova transformará a pele, fazendo-a parecer mais saudável e vibrante.

Ingredientes Únicos para Resultados Únicos

O compromisso da ReNova em usar ingredientes únicos e eficazes os diferencia. Cada produto é elaborado para fornecer benefícios específicos, desde hidratar a pele seca até reduzir os sinais de envelhecimento. Ingredientes como ácido hialurônico, vitaminas e extratos botânicos trabalham sinergicamente para melhorar a saúde e a aparência da pele.

Satisfação e Suporte ao Cliente

A ReNova valoriza seus clientes e se esforça para fornecer um serviço excepcional. Sua plataforma online facilita a compra de produtos de skincare, com um processo de checkout suave e envio confiável. Os clientes podem entrar em contato com a ReNova para suporte e aconselhamento, garantindo que tenham todas as informações necessárias para fazer as melhores escolhas para sua pele.

Adicionando à Sua Rotina de Skincare

Integrar os produtos da ReNova em uma rotina diária de skincare é simples. Comece com um limpador para remover impurezas, seguido de um tônico para refinar os poros. Aplique um sérum para abordar preocupações específicas e finalize com um hidratante para selar a hidratação. Máscaras podem ser usadas semanalmente para um impulso extra de nutrição e cuidado.

A Conclusão

A linha de produtos de skincare da ReNova oferece uma combinação perfeita de qualidade, inovação e eficácia. Priorizando ingredientes premium e pesquisas científicas, a ReNova fornece soluções que melhoram a saúde e a beleza da pele. Sua dedicação em combinar tecnologia de ponta com ingredientes naturais garante que os clientes recebam produtos que realmente fazem a diferença.

Para aqueles que buscam produtos excepcionais de skincare, a loja online da ReNova é o lugar ideal para descobrir e comprar o melhor. Seu compromisso com a satisfação do cliente e suporte abrangente fazem da ReNova um parceiro confiável na jornada em direção a uma pele mais saudável e radiante.

Perguntas Frequentes

Quais são os 5 princípios básicos de cuidados com a pele com produtos?

Os cinco princípios básicos de cuidados com a pele incluem limpeza, tonificação, hidratação, aplicação de protetor solar e uso de séruns para tratamento específico.

Quais são os melhores produtos para cuidados com a pele?

Os melhores produtos para cuidados com a pele são adequados ao seu tipo de pele e preocupações, incorporando ingredientes de alta qualidade, como ácido hialurônico e vitaminas.

Quais são os principais produtos para skincare?

Os principais produtos para skincare incluem limpadores, tônicos, hidratantes, séruns e protetor solar.

Qual é a linha de skincare número 1 na América?

A linha de skincare número 1 na América varia, mas marcas como Neutrogena e Olay são consistentemente bem avaliadas.

Como posso adicionar produtos ao meu carrinho no site da ReNova?

Para adicionar produtos ao seu carrinho no site da ReNova, basta selecionar os itens e clicar no botão "Adicionar ao Carrinho".

 

 
https://www.ovarnews.pt/produtos-para-cuidados-com-a-pele-a-nova-linha-da-renova-eleva-rotinas-diarias-de-skincare/